Associação Brasileira dos Agentes de Propriedade Industrial

Entidade que congrega e defende os interesses dos APIs, foi fundada em 1948 e continua atuante até os dias de hoje, contando com mais de 340 associados, todos Agentes de Propriedade Industrial cadastrados no INPI e com alto nível de formação profissional e ética. Além da defesa dos interesses dos APIs, a ABAPI possui ainda dentre seus os objetivos estatuários a promoção do estudo e pesquisa do Direito de Propriedade Industrial, o que faz através de cursos de formação e habilitação profissional em parceria com Universidades e outras entidades interessadas na matéria, e participação em seminários e eventos diversos.


Associação Paulista de Propriedade Intelectual

Fundada em 1983, a  ASPI tem como objetivo principal difundir conhecimentos relacionados à Propriedade Intelectual no Brasil e defender os direitos e deveres dos profissionais atuantes nessa área. São mais de 25 anos atuando de forma aberta, criativa e permanentemente participativa, congregando associados, profissionais, universidades, escritórios de advocacia, empresas, indústrias, universidades e diversas entidades nacionais e internacionais.


Associação Brasileira da Propriedade Intelectual

A ABPI, sigla de Associação Brasileira da Propriedade Intelectual, é uma associação sem fins lucrativos, fundada em 1963. Congrega empresas, escritórios de agentes de propriedade industrial, escritórios de advocacia e especialistas do Brasil e de outros Países. Tem como objetivo o estudo da propriedade intelectual, em todos os seus aspectos e se empenha na promoção de conferências, congressos, seminários, simpósios e certames, editando inclusive publicações sobre essas matérias.


Rede de Tecnologia e Inovação

A Rede de Tecnologia e Inovação do Rio de Janeiro oferece apoio às empresas brasileiras para a proteção de propriedade intelectual e à comercialização destes ativos através do Escritório de Negócios de Tecnologia (ENTEC). São diversos os serviços que podem ser conduzidos pelo ENTEC, no sentido de agregar valor a produtos, processos e serviços e levar a inovação ao mercado. Além disso também disponibiliza apoio diferenciado às micro e pequenas empresas através do Programa FOCAR. O FOCAR é uma parceria entre a Rede de Tecnologia e Inovação do Rio de Janeiro, o INPI, o SEBRAE/RJ e a FINEP.


Rede de Propriedade Intelectual

A REPICT – Rede de Propriedade Intelectual, Cooperação, Negociação e Comercialização de Tecnologia – criada em maio de 1998, é uma das Redes Temáticas que integra a Rede de Tecnologia e Inovação do Rio de Janeiro. É composta por instituições sediadas no Estado do Rio de Janeiro que trabalham, em conjunto, na concepção e implementação de ações estratégicas destinadas a disseminar a cultura da propriedade intelectual e a prática da comercialização de tecnologia.

 
 

Voltar